Quer se Tornar um Funcionário Público? Confira Importantes Dicas do Setor

Quer se Tornar um Funcionário Público?

Por conta das dificuldades para se estabelecer no setor privado e ainda por causa dos constantes ciclos na economia que geram desemprego, é cada vez maior o número de pessoas que passam a investir todas as suas fichas na aprovação em um concurso público, para deste modo se tornar um servidor ou funcionário público.

Além de uma carreira mais estável, onde são praticamente inexistentes as possibilidades de demissão do trabalhador, uma carreira pública também atrai os candidatos por conta das maiores e melhores vantagens, além da remuneração, que de modo geral é bem maior, dependendo do cargo obtido, do que é pago na iniciativa privada e de tempos em tempos existem os reajustes.

Mas para conseguir trilhar uma carreira de sucesso, bem sucedida e que lhe traga felicidade e satisfação pessoal, não basta apenas atentar para os itens citados acima, é necessário ter realmente vocação para assumir aquele determinado cargo, para desta forma oferecer em contrapartida um serviço de excelente qualidade para a população.

Sendo assim, para ter certeza que você se qualifica para enfrentar tais desafios e deseja realmente entrar no mundo dos “concurseiros” (pessoas que se dedicam integralmente aos estudos visando aprovação), é de fundamental importância saber de coisas básicas do setor antes de mais nada.

Coisas Básicas a se Saber Antes de se Tornar um Funcionário Público

A melhor recompensa em entrar para este “mundo” é que aqui existe somente mérito pessoal, ou seja, você se dedica, estuda da forma que for possível, busca encontrar um horário na vida corrida, renuncia a muita coisa na vida pessoal por um tempo, porém, com decisões como esta, sua aprovação estará sempre mais próxima.

Isso é totalmente diferente da iniciativa privada, onde na maioria dos casos não é somente o seu conhecimento ou qualificação que importa, mas sim o famoso Q.I (“quem indica”).

Portanto, podemos afirmar que numa seleção via concurso público não importa sua cor, sexo, idade, religião, entre outros, pois não existe distinção alguma, o que importa realmente é a sua preparação e dedicação.

Essa segurança é importantíssima por exemplo para jovens inexperientes que estão chegando ao mercado de trabalho e não conseguem uma colocação justamente por isso ou ainda para profissionais já mais experientes e com mais vivência, que muitas vezes são discriminados e as portas de emprego se fecham para eles.

É importante que você saiba também que nem todos os servidores públicos gozam de estabilidade no emprego, pois tal item só é oferecido para aqueles funcionários aprovados em concursos para Administração Direta (União, Estados, Distrito Federal e Municípios) e Indireta (somente nos casos das Autarquias e Fundações Públicas).

Caso você seja aprovado por exemplo para atuar em uma repartição da Administração Indireta, como Empresas Públicas ou Sociedades de Economia Mista (Petrobrás, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Correios, etc), você não será regido por um Estatuto, mas sim pela CLT, ou seja, não há garantia alguma de estabilidade definitiva.

Uma outra dúvida comum entre os interessados no setor público é relativo a promoções de cargo, ou seja, é possível galgar passos maiores após aprovação?

A resposta é simples: não! Se você for por exemplo aprovado para ser um Policial Federal, você não poderá vislumbrar nunca ser promovido a Delegado da PF sem antes ser aprovado num concurso para este cargo em questão.

O que existe na verdade são promoções dentro do seu próprio cargo, ou seja, você pode assumir determinada função no nível 3, e com o passar do tempo e por merecimento, você pode ser promovido no próprio cargo ocupado, se tornando nível 2, depois nível 1 e com respectivos aumentos salariais, sem falar que existem ainda os cargos de confiança.

Perfil do Servidor Público

Assim como nas empresas privadas, os cargos públicos possuem hierarquia e subordinação bem definidos, deste modo você estará sempre respondendo à alguém. Se você tem problemas com isso, certamente a carreira pública não é sua melhor opção.

Se você é um profissional criativo e inovador, é bom saber também que o cargo público não é para você, pois os servidores são regidos por legislação, e a mesma de certa forma “engessa” seus funcionários, pois os mesmos só podem atuar de acordo com o que está descrito e permitido nas leis.

Por fim, é importante antes de mais nada que você verifique e conheça quais são suas principais habilidades, pois os concursos e oportunidades são basicamente divididas entre 4 grandes áreas: Carreiras Policias (Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Agente Penitenciário, etc), Carreiras dos Tribunais (Analista ou Técnico do TRT, TRE, TJ, TRT, MPU, etc), Carreiras Administrativas (servidor do INSS, Bancos, etc) e Carreiras Fiscais (Auditor da Receita Federal, entre outros cargos).

Portanto, leve em conta todas estas informações, escolha uma escola de renome no mercado, estude nesse cursinho com dedicação, pois assim em médio ou longo prazo, sua aprovação estará mais próxima.

Esperamos que as dicas reunidas aqui tenham sido uteis, e caso você tenha alguma dúvida, nos envie um comentário abaixo que rapidamente responderemos a todos nossos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *